segunda-feira, 17 de junho de 2013

Vegelicious: Quiche de tomate, espinafres e queijo de cabra

Vegelicious: Quiche de tomate, espinafres e queijo de cabra:

Ingredientes:
1 rolo de massa quebrada
½ pimento vermelho cortado em tiras
80 gr de espinafres frescos( substitui por cenoura ralada)
1 tomate grande cortado às rodelas
4 rodelas de queijo de cabra  cortadas ao meio (usei um queijo fresco magro dos grandes)
2 ovos batidos
2 iogurtes magros naturais
1 copo (usei a medida do copo de iogurte) de leite magro
sal, pimenta e orégãos a gosto
 
Pré-aquecer o forno.
Abrir o rolo da massa quebrada e colocá-la na forma (eu aproveito o papel que vem com a massa e assim escuso de untar a fôrma com gordura). Picar o fundo com um garfo.
Espalhar os pimento sobre a base, juntar os espinafres e por cima o tomate.
À parte, num recipiente fundo, misturar os ovos (previamente batido), o iogurte e o leite. Temperar com o sal, pimenta e orégãos.
Adicionar a mistura de iogurte à quiche, tentando não cobrir completamente as folhas dos espinafres. Distribuir o queijo de cabra.
Levar ao forno a 180º C durante 1 hora, ou até a massa da quiche estar dourada.

sábado, 8 de junho de 2013

Chocolate Morno: Bolo de chocolate sem ovos

Chocolate Morno: Bolo de chocolate sem ovos:
Há pois é, e como o tempo das vacas gordas ou seja, no meu caso, das "galinhas gordas" acabou. Ou seja,  os ovos foram-se, porque ...

The Wild Kitchen: Bolo de Mel sem Ovos

The Wild Kitchen: Bolo de Mel sem Ovos:



 

sábado, 1 de junho de 2013

Cultura e Lazer \ Petiscos: Peixinhos da Horta

Cultura e Lazer \ Petiscos: Peixinhos da Horta:

 Ingredientes:
 500g de feijão verde
 Para o polme:
 100g de farinha
 1 ovo
 1 colher de sopa de cebola picada
 Sal e pimenta

Preparação: 

Retiram-se as pontas e os fios ao feijão verde e coze-se em água temperada com sal. 

Deita-se a farinha num recipiente e dissolve-se com água suficiente para obter um polme nem muito líquido nem muito espesso. 
Adiciona-se o ovo e a cebola muito bem picada e tempera-se com sal e pimenta.
Passam-se as vagens de feijão, duas a duas, pelo polme, e fritam-se em óleo bem quente, até estarem douradas.
 Escorrem-se sobre papel absorvente.